top of page

A importância dos cães para as crianças

Segundo um estudo feito pela empresa GFK, há mais cães e gatos em casa do que crianças, nas famílias portuguesas.


Planear o aumento da família com a chegada de um bebé pode fazer com que os pais lidam com um dilema: será que é ideal ter um animal de estimação com crianças em casa?


Na verdade, os cães pode contribuir muito para o desenvolvimento das crianças e ainda auxiliam na melhoria e protecção da saúde delas. Isto tem benefícios que se traduzem para o resto da vida.

O sistema imunológico de uma criança que tem contacto saudável com um animal de estimação desde muito cedo, está menos propenso a alergias crónicas e asma e desenvolve-se mais fortalecido.


Para além disto, o animal de estimação também contribui para o desenvolvimento social da criança e ajuda a lidar melhor com as emoções.


O desafio de ter um animal e uma criança passa por como integrar os amigos de quatro patas com os bebés, de forma a que tudo corra bem na rotina da casa.


Antes de adoptar um cão, deverá ter em conta alguns aspectos, como idade, saúde das crianças e sentido de responsabilidade, uma vez que para ter um cão é necessário tempo, disponibilidade financeira e atenção.


Caso a chegada do bebé seja posterior e a família já tenha um cão, deverão preparar bem o "Terreno".

Para evitar que a chegada do bebé seja associada a coisas negativas por parte do cão, a sua rotina deve ser mantida ou mudada gradualmente.


Comece por montar o quarto do bebé e deixe o cão cheirar os objectos gradualmente, sempre na sua presença.


Tente seguir a rotina de passeios habitual e não mude drasticamente os seus horários de refeição.


Quando chegar a casa, deixe o cão cheirar o bebé, mas evite que ele salte para o fazer.

Os cães tem um instinto de protecção e as vezes nem é necessário "explicar" que aquele pequeno ser é frágil.


Desfrute dos momentos em família!




43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page